Praia de Xangri-Lá

Saiba tudo o que REALMENTE acontece em Xangri-Lá

Luciano Hang, Roberto Jefferson e aliados de Bolsonaro são alvo da PF contra fake news

Share to WhatsAppShare to Mais…

(Foto: Reprodução/Redes Sociais)

(Foto: Reprodução/Redes Sociais)

A investigação trata de ameaças, ofensas e fake news disseminadas contra integrantes do STF e seus familiares

A Polícia Federal cumpre 29 mandados de busca e apreensão nesta quarta-feira (27) no chamado inquérito das fake news, que apura ofensas, ataques e ameaças contra ministros do STF. As ordens foram expedidas pelo ministro do STF Alexandre de Moraes, relator do inquérito.

Um dos alvos é o ex-deputado federal Roberto Jefferson, presidente nacional do PTB e novo aliado do presidente Jair Bolsonaro. Jefferson preside um dos partidos do centrão e passou a defender efusivamente Bolsonaro nos últimos tempos.

Outros aliados de Bolsonaro também são alvos da investigação. Os deputados estaduais de São Paulo Douglas Garcia (PSL) e Gil Diniz (PSL),  o blogueiro Allan Santos, do canal Terça Livre, e a militante Sara Winter estão entre os nomes que são alvos de busca e apreensão da PF.

Em Brasília, os deputados federais Bia Kicis, Carla Zambelli, Daniel Silveira, Filipe Barros, Cabo Junior do Amaral e Luiz Philippe de Orleans e Bragança estão na lista. Empresários também farão parte da investigação. É o caso de Luciano Hang, proprietário da Havan e apoiador de Jair Boslonaro.

Além de Rio de Janeiro e Brasília, há mandados para ser cumpridos também nos estados de São Paulo, Mato Grosso, Paraná e Santa Catarina

O jornalismo vigia a fronteira entre a civilização e a barbárie. Fiscaliza o poder em todas as suas dimensões. Está a serviço da democracia e da diversidade de opinião, contra a escuridão do autoritarismo do pensamento único, da ignorância e da brutalidade. Há 25 anos CartaCapital exercita o espírito crítico, fiel à verdade factual, atenta ao compromisso de fiscalizar o poder onde quer que ele se manifeste.

Copiado de:

Anteriores

Para Flávio Dino é preciso deixar de lado “mágoas pretéritas” e unir o “Lulismo” com o “Trabalhismo”

Próximo

SERVIDORES APOSENTADOS NÃO SÃO O PROBLEMA

Deixe uma resposta

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén