Redação

12609830-high-1024x768

 

Maurício Valeixo, ex-diretor geral da PF (Polícia Federal), presta depoimento na Superintendência de Curitiba nesta segunda-feira (11). Ele será ouvido pelos investigadores que atuam no inquérito que apura a suposta interferência política do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O inquérito foi aberto após relatos do ex-ministro da Justiça Sergio Moro, durante seu pedido de demissão do cargo. Moro prestou depoimento no dia dois de maio em Curitiba.

Valeixo vai ser ouvido após ‘pedir’ sua demissão e, Sergio Moro, afirmar que Bolsonaro pedia o nome de Maurício desde agosto de 2019. O inquérito foi autorizado pelo STF (Supremo Tribunal Federal) e vai investigar as acusações contra o Governo Bolsonaro.

Se as acusações não forem verdadeiras, o ex-ministro pode responder por denunciação caluniosa e crimes contra a honra.

Nesta segunda-feira (11), Alexandre Ramagem também deve ser ouvido, no período da tarde, após ter seu nome indicado para o cargo de diretor-geral da PF, que foi suspensa pelo STF.

De hoje, até quinta-feira (14), três atuais ministros, seis delegados da PF e a deputada federal Carla Zambelli serão ouvidos nas oitivas. As diligências foram solicitadas pelo procurador-geral da República, Augusto Aras.

Copiado de:  https://paranaportal.uol.com.br/politica/mauricio-valeixo-depoimento-em-curitiba/?utm_source=pushnews&utm_medium=noticia&utm_campaign=news